0:00
0:00

Brasil pode se tornar máquina produtora

  • Por Jovem Pan
  • 19/03/2017 16h11
ANprANprAgronegócios

O programa A Hora do Agronegócio deste domingo (19) começa com a música “Amizade Sincera”, de Renato Teixeira.

A edição traz uma impressão de Tejon sobre intrevista com o italiano Andrea Illy, da Illy Café, e as possibilidades de melhoria do ótimo café expresso brasileiro. No Brasil a venda desse tipo de café aumentou 25% a despeito da crise.

Mariana Grilli traz reportagens sobre visões e críticas do mercado de agronegócio em relação ao ministério da Fazenda.

Eduardo Daher, diretor da ABAG – Associação Brasileira do Agronegócio, falou que o Brasil “está à venda” e “mais barato que outros países”. Questões envolvendo de grandes empresas químicas e da mineração, como a Vale, para o assunto “fertilizante” foram pauta da conversa.

Relações entre a Monsanto, a Bayern e outras companhias também foram comentados. A política econômica de Donald Trump também foi discutida

“O jovem vai assistir ao Brasil tropical se tornar uma máquina de produção”, concluiu José Luiz Tejon após a entrevista.

Ouça o programa completo AQUI.