0:00
0:00

De cheque a imobiliária: Vampeta conta detalhes da venda de flat a Funaro

  • Por Jovem Pan
  • 02/11/2017 14h47
ReproduçãovampetaO pentacamepão mundial Vampeta é comentarista esportivo da Rádio Jovem Pan

Comentarista esportivo da Rádio Jovem Pan, Vampeta aproveitou participação no Esporte em Discussão desta quinta-feira para esclarecer a polêmica venda de um flat ao doleiro Lúcio Funaro. O ex-jogador confirmou que, de fato, negociou o imóvel com Funaro, mas garantiu que não sabia qual era o seu fim – em depoimento na última terça-feira, o doleiro contou que adquiriu o flat a pedido de Eduardo Cunha, que queria acomodar a enteada em São Paulo.

“Eu botei o flat na imobiliária. Isso tem uns sete, oito anos”, começou Vampeta. “Comprei como investimento, no Hotel Transamerica, na frente da FAAP, ali na região do Pacaembu, e vendi, mesmo. Foi tudo quitado. Recebi em cheque, tudo certinho… Mas tô sabendo que é pra filha de Eduardo Cunha, que é pra Funaro? Apareceu um comprador na imobiliária, eu fui e vendi”.

Vampeta disse que quem pagou o valor do flat foi, de fato, Lúcio Funaro. No entanto, de acordo com o ex-jogador, ambos só se encontraram rapidamente – o que fez com que o ex-jogador sequer reconhecesse o doleiro nos noticiários políticos dos últimos meses.

“A imobiliária me trouxe um comprador, e eu assinei todos os documentos. Foi só na terça-feira passada, quando uma jornalista me mandou uma foto do Funaro, que eu lembrei: ‘esse cara, então, que é o Funaro?’. Eu sei que ele me pagou tudo certinho, que foi tudo declarado, que está tudo quentinho… Os meus tijolos são quentes. Se os deles são frios, o problema é deles. Foi um investimento! Eu tô sabendo pra que é?”.

Vampeta também disse que não se recorda se o flat foi comprado em nome de Lúcio Funaro ou de outra pessoa. “Não lembro… O que eu sei é que o dinheiro não está nem mais comigo. Dele (Funaro) eu me lembro, mas eu nunca imaginava, vendo todo dia na TV, que era o Funaro… Olhando bem uma foto, na terça-feira passada, é que eu lembrei que ele tinha sido o cara que me pagou”, finalizou.