0:00
0:00

Ameaçado de expulsão, Jarbas Vasconcelos diz que fica e critica filiações duvidosas ao PMDB

  • Por Jovem Pan
  • 13/09/2017 06h17
Geraldo Magela/Agência SenadoJarbas Vasconcelos garantiu que famílias tradicionais em Pernambuco não vão dominar o PMDB no Estado

A filiação do senador Fernando Bezerra ao PMDB provocou a crise prevista em Pernambuco. O deputado Jarbas Vasconcelos reagiu e criticou a cúpula do PMDB que, ao mesmo tempo, segundo ele, estuda a sua expulsão e chama para o partido filiados considerados duvidosos e oportunistas.

Jarbas Vasconcelos garantiu que famílias tradicionais em Pernambuco não vão dominar o PMDB no Estado: “será uma convivência dentro do meu estilo de civilidade, cordialidade. O partido está formado, está recebendo adesões, pessoas. O partido passou por renovação formal e as pessoas que chegam têm que se acomodar a esse quadro”.

O deputado alertou ainda que não vai sair do partido e prometeu resistir contra o presidente da sigla, senador Romero Jucá: “não há perigo de eu sair do PMDB. Vou resistir até o fim, até a batalha final”.

Jarbas Vasconcelos é um dos fundadores do MDB Nacional e fundador da sigla em Pernambuco.

Já o senador Romero Jucá, presidente do PMDB, fala em intervenção no diretório do partido em Pernambuco e até a expulsão do deputado.

*Informações do repórter José Maria Trindade