MDB libera lideranças e Jucá garante que partido será ‘independente no próximo governo’

  • Por Jovem Pan
  • 11/10/2018 13h00
Lula Marques-AGPTDe acordo com Jucá, "foi uma decisão tomada em conjunto com a principais lideranças do MDB"

O líder do governo no Senado Federal e derrotado na eleição de 2018 por 494 votos, Romero Jucá, anunciou que o MDB tomará uma posição de neutralidade em relação ao segundo turno nas eleições presidenciais.

Além de dizer que a decisão tomada pelo partido é de liberar os estados para apoiarem o candidato que quiserem, Jucá garantiu que o MDB será uma partido independente no próximo governo. “Estamos liberando os membros do MDB para votarem de acordo com suas consciências e conjuntura estadual”, disse o presidente nacional do partido.

De acordo com Jucá, “foi uma decisão tomada em conjunto com a principais lideranças do MDB”. O senador finalizou dizendo que o partido vai “apoiar o que for bom para o Brasil e não apoiar o que não for bom”.