Agnaldo Timóteo detona Joema por não perdoar Ximbinha: “se ferrou”

  • Por Jovem Pan
  • 27/01/2016 14h35
Agnaldo Timóteo

Um dos maiores bafafás de 2015 foi o divórcio conturbadíssimo de Joelma e Ximbinha, que começou após o guitarrista da agora extinta banda Capypso trair a cantora. Na época, Joelma não teve o menor pudor em deixar claro que as coisas não seriam mais as mesmas e anunciou para 2016 sua carreira solo. Quem não concorda com a atitude da paraense é o cantor Agnaldo Timóteo: “a Joelma se ferrou”.

Após conhecer Thábata Mendes, substitua de Joelma na nova banda de Ximbinha, X-Calypso, ele contou ao site “Extra” que teve um choque. “Levei um susto quando a vi, porque ela tem uma imagem extremamente carismática. Quando eu vi o Luan Santana pela primeira vez, eu também levei um susto, porque ele tinha a imagem do menino de família, de carisma, como era o KLB no início da carreira”, elogiou.

Em seguida, ele não conseguiu segurar a comparação com Joelma. “Essa menina é linda, carismática, extremamente despojada, sorriso aberto, e canta dez vezes mais que a Joelma, e é, claro, muito mais bonita”, criticou o cantor, atualmente com 79 anos.

Ainda criticando Joelma, Agnaldo disse que ela deveria ter perdoado Ximbinha, pois sua carreira será seriamente prejudicada sem o guitarrista ao seu lado. “A Joelma se ferrou, porque ela foi radical e incompreensível. Ela foi muito radical e muito perversa com o parceiro que fez dela uma estrela, embora ela tenha aquela voz de taquara rachada e aquela cena vulgar de jogar o cabelo, mas voz mesmo, ela não tem”.

“Joelma como cantora está mais para João Gilberto do que para Roberto Carlos. Eu nunca vi a Joelma como uma mulher bonita, e sim como uma mulher bem produzida no palco. A nova parceira do Ximbinha dá de dez a zero na Joelma, e ela se ferrou”, disse.

Quanto à traição após 18 anos de casados, Agnaldo Timóteo ainda afirmou que Ximbinha estava no seu direito. “As mulheres precisam entender que o homem tem direito de ser sem vergonha, a mulher não. No ponto de vista da fidelidade, o homem tem mais direito de ser traidor, a mulher não. A mulher não deve trair, ela é mais sublime, é quem gera os nossos filhos… Não estou falando que o homem deve trair, mas ele tem mais direito de ser sem vergonha do que a mulher. Isso que eu falo não tem nada a ver com machismo”, comentou.