Ariana Grande é acusada de ‘se aproveitar’ de morte de ex e rebate críticas

  • Por Jovem Pan
  • 26/11/2018 09h25
Reprodução/ InstagramO casal ficou junto durante 1 ano e 8 meses

Ariana Grande usou seu Instagram para homenagear o seu ex-namorado, o rapper Mac Miller, que morreu em setembro deste ano. Ela publicou uma foto ao lado dele, tirada no Dia de Ação de Graças com a legenda “sentimos sua falta”. Foi o que bastou para a cantora ser atacada nas redes sociais.

Um usuário do Twitter criticou o post de Grande e a acusou de “se aproveitar” da morte do rapper. Ariana, então, rebateu: “Eu rezo para você nunca ter de lidar com algo parecido com isso, estou te mandando paz e amor”.

“Algumas m**das que eu leio aqui fazem com que eu me sinta enojada. Me assusta o jeito com que algumas pessoas pensam e eu não gosto deste mundo boa parte do tempo. Se apenas nós pudéssemos ter mais compaixão e sermos mais gentis um com os outros. Seria ótimo”, completou.

 

O ex da cantora morreu de overdose no dia 7 de setembro, após misturar diferentes tipos de drogas. Ao lado do corpo do rapper havia uma garrafa de bebida alcoólica e no banheiro do apartamento foram encontrados diversos medicamentos, como  xanax, oxicodona, hidrocodona e Adderall genérico.

A dependência química de Miller foi um dos motivos para o fim do relacionamento com Ariana, que acabou em maio deste ano. Na época, a cantora utilizou o Twitter para rebater as duras críticas que recebeu: “Eu cuidei dele e tentei apoiar sua sobriedade e rezei por seu equilíbrio por anos (e sempre o farei), mas culpar e humilhar mulheres pela inabilidade de um homem de manter suas m* no lugar é um grande problema”.

“Claro que eu não compartilhei o quão difícil ou assustador foi o que estava acontecendo, mas foi. Eu continuarei a rezar do fundo do meu coração para que ele fique bem e que qualquer outra mulher nessa posição também”, concluiu.

Quando o rapper faleceu Ariana também prestou homenagem pelo Instagram, sem legenda e com os comentários desativados.