Beyoncé homenageia atleta que protestou contra o racismo e faz discurso poderoso em evento

  • Por Jovem Pan
  • 06/12/2017 16h36
Reprodução/ Twitter

Beyoncé apareceu de surpresa no evento da revista “Sports Illustrated” que premia as personalidades do ano no esporte, na terça-feira (5), e homenageou o atleta Colin Kaepernick, da NFL.

Antes de chamar o atleta para receber o prêmio “Muhammad Ali Award”, a cantora fez um discurso poderoso sobre racismo, em que apoiou Colin. Ele foi banido de seu time por protestar contra o racismo em um jogo de 2016, no qual se ajoelhou para cantar o hino dos Estados Unidos.

No discurso, Beyoncé aplaudiu a atitude de Colin, que foi chamado de antipatriota e recebeu ameaças de morte depois do jogo. Veja a fala da cantora na íntegra:

“Colin tomou medidas sem medo de consequências ou repercussão, apenas na esperança de mudar o mundo para melhor, mudar a percepção e a maneira como nos tratamos, especialmente as pessoas de cor. Nós ainda estamos esperando que o mundo entenda isso. Dizem que o racismo é tão americano que, quando protestamos contra o racismo, alguns acreditam que estamos protestando contra a América”.