Gravadora despedirá um quinto dos artistas

  • Por Jovem Pan
  • 28/01/2014 16h18

A fim de reduzir custos, a gravadora EMI, terceira
maior do mundo, anunciou ontem que cortará um
quinto de sua relação de artistas, despedirá mais de
1500 funcionários e terceirizará os processos de
manufatura de CDs e DVDs. Entre aqueles que
serão cortados estão artistas de menor expressão,
cujos nomes não foram divulgados. A companhia
britânica espera economizar U$92 milhões por ano
com as medidas. O declínio das vendas de CD vem
acontecendo, segundo a indústria fonográfica, por
causa da pirataria e o aumento de downloads ilegais
pela Internet.

  • Tags: