Mariah Carey é processada em quase R$10 milhões por cancelar shows na América do Sul

  • Por Jovem Pan
  • 19/01/2018 11h40
Reprodução

Mariah Carey pode ter que responder na justiça por ter cancelado seus shows da turnê “Sweet Sweet Fantasy” na América Latina em 2016. A empresa responsável por marcar os shows da cantora no Chile e na Argentina está processando Mariah por desistir das apresentações em cima da hora.

Quando cancelou os shows, Mariah alegou que a promotora Fenix não tinha pago uma parte do combinado, mas de acordo com o TMZ, não foi isso que aconteceu. A empresa forneceu documentos que provam o pagamento antecipado de 75% do valor acordado.

No processo aberto, a empresa alega que Mariah teria mentido sobre o pagamento e o verdadeiro motivo para cancelar os shows seria a baixa venda de ingressos para as apresentações no Brasil.

Sendo assim, a empresa entrou com processo alegando que a cantora não teria direito a cancelar as datas na América do Sul e pede indenização de US$3 milhões (quase R$10 milhões).