Miley Cyrus pede desculpas por declaração sobre hip-hop: ‘Fiz m**da’

  • Por Jovem Pan
  • 12/06/2019 08h20
Reprodução/FacebookMiley Cyrus pediu desculpas por declaração polêmica

Miley Cyrus colecionou polêmicas durante sua fase “Bangerz”, desde balançar pelada no clipe para “Wrecking Ball” até sua performance notória com Robin Thicke. Agora, mais madura, Miley aproveitou para pedir desculpas por algumas afirmações que fez sobre o hip-hop.

O álbum sofreu acusações de apropriação cultural da cultura de hip-hop para ganhar popularidade. Em 2017, ela, em entrevista à Billboard, afirmou que deixou de ser fã de rap. “Eu amo a nova música de Kendrick [Lamar]: ‘Me mostre um bumbum natural, com marcas de estrias’. Eu amo isso porque não é ‘Venha sentar no meu pau (…)’. Eu não consigo ouvir mais isso.”

Ela foi além: “Foi isso que me afastou do hip-hop. Era muito ‘Lamborghini, tenho meu Rolex, tenho uam garota sentada em mim’ – eu não sou assim”.

Os comentários foram muito criticados. Na terça, Cyrus aproveitou um vídeo no YouTube que falava sobre o assunto para pedir desculpas.

“Obrigada por me dar a oportunidade de falar. Ficar quieta não é algo que eu saiba ser. Estou ciente da minha plataforma e sempre a usei da melhor forma possível para combater injustiças. Eu quero começar dizendo que peço desculpas. Eu assumo que o que eu disse foi insensível e é um privilégio poder ‘entrar e sair’ de determinada cena musical”, escreveu Cyrus.

Ela continuou afirmando que “há décadas de desigualdade até onde ela sabe, mas há muito que tem que aprender”. “Silêncio é parte do problema e eu me recuso a ficar quieta. Minhas palavras foram divisórias em tempo de união, algo que é crucial. Não posso mudar o que foi dito na época, mas posso dizer que sinto muito pelas minhas palavras. Eu fiz m**da. Estou comprometida a usar minha voz para curar, mudar e lutar pelo o que é certo.”