Rapper YNM Melly é preso acusado de assassinar dois amigos e manipular cena do crime

  • Por Jovem Pan
  • 14/02/2019 09h14
Reprodução/ Instagram Rapper YNM Melly é preso por assassinar e manipular a cena do crime

O rapper YNM Melly, que era um dos nomes cotados para o próximo álbum de Kanye West, foi preso nos Estados Unidos acusado de ter assassinado dois amigos. Detido pelos policiais do distrito de Miramar, região próxima a Miami, Jamell Demons  – nome de batismo do rapper – também responderá por manipular a cena do crime.  

Desde outubro do ano passado, a polícia investiga a morte de Anthony Williams e Christopher Thomas Jr, mortos a tiros. A conexão de Melly com o crime veio depois que a investigação apontou que a cena do assassinato foi forjada.  

A polícia indica que o rapper atirou nos dois amigos e, logo em seguida, manipulou o local. Segundo sua versão, a dupla foi morta por um motorista que passava pela rua.

Em sua defesa, Jamell alega inocência e culpa o sistema por inventar rumores e mentiras. “Alguns meses atrás perdi dois irmãos para a violência e agora o sistema está tentando achar justiça. Infelizmente, muitos rumores e mentiras estão sendo ditas, mas não se preocupem, Deus está comigo”, escreveu em sua conta no Instagram, agora, desativada.  

Melly, que ficou conhecido pelo single “Murder on My Mind”, será processado por assassinatos em primeiro grau.