Essa história de Sandra Bullock com os filhos mostra a importância de Pantera Negra

  • Por Jovem Pan
  • 19/06/2018 14h16
ReproduçãoFamília da estrela já foi capa de algumas revistas norte-americanas

Para quem ainda não se convenceu, segue aqui mais uma história que exemplifica a relevância de Pantera Negra em termos de representatividade no cinema. Ela foi contada pela atriz Sandra Bullock, mãe adotiva de duas crianças afro-americanas (Louis, de 8 anos, e Laila, de 6), em entrevista recente ao The Times.

“Esse filme mudou a vida de meus filhos. Quando Louis era realmente pequeno, ele perguntou: mãe, existem super-heróis negros? E eu disse: sim, existem! Mas fui pesquisar e não havia nenhum. Então peguei uma caneta marrom e colori o Super-Homem e o Homem-Aranha. Só que eu ainda estava em pânico, pensando que meu bebê não tinha nada para se apoiar”, disse. “Quando Pantera Negra chegou e vi o elenco no tapete vermelho, comecei a chorar. Além de tudo, a maneira como as mulheres eram representadas como chefes de tribos, generais, gênios… Eu pensei: alguém finalmente fez o filme perfeito”, completou.

Sandra esteve no programa nesta semana para divulgar o lançamento de Oito Mulheres e Um Segredo, já em cartaz nos cinemas em todo o mundo.