Andrés bancou permanência de Loss, que ficou orgulhoso após eliminação

  • Por Jovem Pan
  • 30/08/2018 08h07
Divulgação SCCPLoss acredita que Corinthians fez uma das melhores partidas jogando ofensivamente

O Corinthians sofreu um baque forte na temporada, com a eliminação na Copa Libertadores, nesta quarta-feira (29). Mas não é por isso que vai trocar de técnico. O presidente Andrés Sanchez prometeu que não vai demitir Osmar Loss, que disse estar orgulhoso do que o time fez contra o Colo Colo.

Andrés já prometeu que vai manter Loss no cargo até o fim do ano e tudo indica que cumprirá a palavra: “nunca falei da saída dele. Parece o Tite em 2011. Se eu tirar ele, vocês vão reclamar, dizer que não dei tempo. Futebol tem de ganhar sempre. Ser vice não adianta. O trabalho dele é muito bom. Tivemos de antecipar etapas com jogadores que chegaram e a comissão técnica que saiu”, defendeu o presidente.

Loss, por sua vez, defendeu a atuação do Timão. Disse que a equipe fez “uma das melhores partidas jogando ofensivamente” e acredita que a equipe esteve perto de fazer o terceiro gol, que garantiria a vitória por 3 a 2 no placar agregado.

“A gente teve o volume de jogo que precisava para classificar. Infelizmente, sofremos um gol. Mas poderíamos ter feito o terceiro. São questões que deixam a gente frustrado, mas orgulhoso de ver o que a equipe fez dentro de campo”, contentou-se Loss.