Carille acusa árbitro e explica confusão no fim da partida: ‘Sem educação comigo’

  • Por Jovem Pan
  • 13/06/2019 00h03
MARCO GALVÃO/Estadão ConteúdoFábio Carille foi contido por Gustagol

O técnico Fábio Carille acusou o árbitro da partida contra o Santos, nesta quarta-feira (12), Wagner do Nascimento Magalhães, em entrevista coletiva após o jogo, de ter sido “muito mal educado” e pediu uma punição para o juiz.

“Em relação ao que reclamei, é muito difícil de jogar aqui. O lance do Walter não estava impedido. Coisa feia, ele foi muito sem educação comigo. Depois, a gente vê na televisão. Ele foi muito mal educado. A punição tem de ser para ele, eu não xinguei ninguém”, acusou Fábio Carille

Depois da derrota, o treinado foi até o meio de campo reclamar com a arbitragem sobre o impedimento marcado de Gustagol após um tiro de meta. Gustavo, Manoel e Pedro Henrique até que tentaram segurar Carille, mas o treinador conseguiu se desvencilhar e foi até a arbitragem reclamar novamente. Na saída do gramado, o volante Ralf também deu sua versão da história.

“O professor estava reclamando com razão do impedimento e acho que ele (árbitro) falou algo que desrespeitou o Carille. Mas agora, de cabeça quente, não é hora de falar do árbitro”, afirmou o corintiano à TV Globo.