Corinthians vence tranquilo com participação de centroavantes e leva boa vantagem para Venezuela

  • Por Jovem Pan
  • 23/05/2019 21h06
PETER LEONE/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOVagner Love abriu o marcador para o Corinthians

O Corinthians venceu o Deportivo Lara por 2 x 0, gols de Vagner Love e Gustagol, na noite desta quinta-feira (23), em Itaquera, no jogo de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana.

O Corinthians aproveitou a diferença técnica em relação ao Deportivo Lara e começou o jogo abafando os venezuelanos. Em menos de dez minutos, os alvinegros pediram dois pênaltis, em Júnior Urso e Vagner Love.

Nos 15 minutos iniciais, o Timão finalizou quatro vezes. Vagner Love e Pedrinho eram os homens mais perigosos. O garoto que vai desfalcar o Corinthians a partir da próxima semana, representando o Brasil no Torneio de Toulon, carimbava todas as bolas e pisava sempre na área, como Carille pede constantemente.

Depois de uma pressão inicial, o Timão deu uma parada. Porém, nos 15 minutos finais, aumentou novamente a pressão. Aos 32 e 35 minutos, Júnior Urso teve duas chances de cabeça. Na primeira, entrou sozinho e perdeu um gol incrível dentro da pequena área. Na segunda, como centroavante, dividiu com o zagueiro e conseguiu cabecear para o gol. O volante agrega muito ao ataque corintiano como homem surpresa.

O Timão teve um volume de jogo maior do que em outros jogos, muito pelo nível técnico fraco dos venezuelanos, mas continuo finalizando mal. O goleiro Salazar foi de longe o melhor homem em campo pelo Lara. Foram 12 finalizações no primeiro tempo, com oito certas. O Alvinegro teve 61% de posse. A bola cansou de ser levantada e passar pela área

45 minutos finais

Carille percebeu que o jogo não precisava de tantos cuidados defensivos e decidiu colocar Gustagol no lugar de Ralf, para aproveitar os inúmeros cruzamentos e volume de jogo.

O segundo tempo começou igual a como terminou os 45 minutos iniciais. Em apenas 10 minutos, o Timão finalizou quatro vezes, com 72% de posse de bola, mas continuavam imprecisas. O Alvinegro conseguiu abrir o placar só aos 14 minutos, após mais um cruzamento. Pedrinho e Fagner tabelaram na direita, o lateral colocou a bola na área e Vagner Love enfim conseguiu tirar o zero do placar.

E como ficava claro desde o início da partida, o mapa da mina para o Corinthians era a bola alçada na área. E quem melhor para essa jogada senão Gustagol. O camisa 19 recebeu cruzamento de Avelar aos 26 minutos, subiu mais do que o defensor, como de costume, e aumentou o placar para o Timão.

No total, o Timão finalizou em 24 oportunidades, sendo 14 certas, e terminou o jogo com 63% de posse de bola. As equipes voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira (30), às 17h (horário de Brasília), na Venezuela.

Ficha técnica Corinthians x Lara

Corinthians

Cássio; Fagner, Henrique, Marllon e Danilo Avelar; Ralf (Gustagol), Júnior Urso, Jadson (Sornoza), Pedrinho e Clayson; Vagner Love (Régis)

Técnico: Fábio Carille

Cartão Amarelo: Fagner e Pedrinho

Deportivo Lara

Salazar; Aponte, Di Giorgi, Miers (Otero) e Carrillo; Medina, Centeno , Yriarte (Bueno), Jefre Vargas (Fred Vargas) e Di Renzo; Moreno

Técnico: Leonardo González

Cartão Amarelo: Aponte

Público pagante: 27.866

Renda: R$ 800.153,00