Fábio Carille prega cautela com adversário do Corinthians na Copa do Brasil

  • Por Jovem Pan
  • 06/02/2019 16h45
Daniel Augusto Jr./Agência CorinthiansFábio Carille disse que o time que treinou na última segunda-feira (5) tem grandes chances de entrar em campo na estreia da Copa do Brasil

Por conta da chuva que atingiu São Paulo nesta quarta-feira (6), o Corinthians não pode realizar os últimos ajustes para a estreia na Copa do Brasil. Mas, o treinador Fábio Carille concedeu entrevista coletiva no CT Joaquim Grava e falou sobre o Ferroviário, adversário na competição nacional de mata-mata. Para o comandante alvinegro, é necessária atenção com o time cearense, que em 2018 conquistou o acesso à Série C do Campeonato Brasileiro.

“Eu sei que o envolvimento dos jogos grandes, como do Palmeiras é maior, mas respeito todas as demais equipes. O Marcelo Vilar (treinador do Ferroviário) foi meu técnico no Barueri. Ele é um técnico estudioso. Conheço alguns jogadores de ter enfrentado. É um time que tem uma forma definida de jogar. Agora temos que envolver todos os atletas e staff para que a gente conquiste o resultado e faça por merecer lá em Londrina”, disse Carille.

Apesar do mando de campo do confronto pertencer ao time cearense, o duelo marcado para a noite desta quinta-feira (7) será disputado no estádio do Café, em Londrina, Paraná. Fábio Carille negou durante a entrevista coletiva que haja uma vantagem alvinegra por atuar longe da casa do adversário. Para o treinador, o fato do confronto ser disputado no Sul apenas facilita o deslocamento da delegação alvinegra.

“A vantagem para o jogo, dentro de campo, eu não vejo muito. Estou cobrando muita concentração dos jogadores. O que facilita para nós é somente o deslocamento, ainda mais num mês que vai ser puxado de viagens. Facilita nos nossos treinamentos. Vamos treinar em Londrina na manhã (de sexta) para viajar para São José do Rio Preto. Já sobre o jogo, não vejo tanta diferença”, completou o comandante.

Ainda durante a entrevista coletiva, Fábio Carille disse que o time que treinou na última segunda-feira (5) tem grandes chances de entrar em campo na estreia da Copa do Brasil: Cássio, Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf; Jadson, Ramiro, Sornoza e Vagner Love; Gustavo. “Vou me reunir com a comissão e ver se consigo levar esse time para o campo. Essa é a ideia”, finalizou.