Libertadores começa nesta semana! Veja como estão os adversários dos times brasileiros

  • Por Jovem Pan
  • 21/01/2019 12h04
Divulgação/ ConmebolTaça da Copa Libertadores será disputada pela 60ª vez

A Copa Libertadores vai começar nesta terça-feira (22). Ainda é só a primeira fase, com apenas 3 jogos, mas já é importante para o decorrer da competição. Os 8 times brasileiros do torneio (Atlético-MG, São Paulo, Inter, Cruzeiro, Flamengo, Palmeiras, Athletico-PR e Grêmio) estão de olho nesses confrontos e também nos outros adversários que já estão definidos. E é curioso observar como esses futuros rivais estão em momentos bem distintos.

As partidas desta semana começam com times de pouca expressão, mas que futuramente podem encontrar equipes brasileiras. Delfín ou Nacional-PAR, por exemplo, podem parar no grupo do Palmeiras. Já La Guaíra ou Real Garcilaso têm chances de cair na chave do Grêmio. Veja quando serão os primeiros jogos da Libertadores, nesta semana, no horário de Brasília.

22/01, 21h30: Delfín x Nacional-PAR
23/01, 21h30: La Guaíra x Real Garcilaso
23/01, 21h30: Bolívar x Defensor

Os confrontos de volta acontecerão na semana seguinte. E depois vai iniciar a segunda fase, com 2 times brasileiros na disputa, a partir de 5 de fevereiro. E a fase de grupos, com todos times, terá início em 5 de março.

Portanto, em pouco mais de 40 dias todos times terão estreado na Libertadores. Então já é hora de observar com atenção o que está acontecendo com os adversários das equipes brasileiras.

Atlético-MG x Danubio

O Galo será o primeiro adversário oficial do Danubio em 2019, pois o Campeonato Uruguaio só começará em 9 de fevereiro. Enquanto isso, a equipe está se reforçando. O novo técnico Marcelo Méndez recebeu 6 novos jogadores (Bryan Bentaverry, Renzo Ramírez, Leandro Onetto, Ernesto Goñi, Gonzalo Montes e Briam Acosta) e perdeu 8 (Michael Etulain, Gastón Bueno, Gonzalo Camargo, Rodrigo Fernández, Agustín Peña, Nicolás Prieto, Ignacio González e Agustín Navarro). Esse time reformulado disputará mais 3 amistosos antes de estrear na Libertadores. Em 12 de janeiro a equipe venceu um amistoso por 2 a 1 sobre o Progreso.

São Paulo x Talleres

A estreia do Talleres em 2019 aconteceu contra o San Martin Tucuman, em um torneio de verão. Com gol do experiente Guiñazu, a equipe venceu por 2 a 1. Antes de enfrentar o São Paulo, o Talleres disputará 2 jogos pelo Campeonato Argentino, contra Independiente e Banfield. A equipe já contratou 5 jogadores (Juan Ignacio Méndez, Sebastián Palacios, Dayro Moreno, Leonel Rivas e Enzo Díaz) e só teve uma baixa significative (Carlos Quintana).

Grupo A, do Internacional

Alianza Lima: o Campeonato Peruano só vai começar em 17 de fevereiro. Antes de estrear na Libertadores, o Alianza fará 3 jogos na competição nacional. Enquanto isso, o time tem feito muitas contratações, como Felipe Rodríguez, Joaziño Arroe, Aldair Salazar, Rodrigo Cuba, Italo Espinoza e Jose Manzaneda.

River Plate: o atual campeão da Libertadores já disputou 2 jogos em 2019. Em um torneio amistoso, venceu o Nacional-URU por 1 a 0. No último sábado (9), perdeu para o Defensa y Justicia por 1 a 0. A diretoria só fez uma contratação (Robert Rojas) e vendeu um jogador importante (Gonzalo Martínez).

Vencedor 4: ao todo 4 times disputam essa vaga – Palestino, Independiente Medellín, Talleres e São Paulo.

Grupo B, do Cruzeiro

Deportivo Lara: o time perdeu um amistoso para o Deportivo Táchira, por 3 a 1, na última quinta-feira (17). A equipe ainda vai disputar 6 partidas do Campeonato Venezuelo até a estreia na Copa Libertadores.

Emelec: o time só vai estrear no Campeonato Equatoriano em 10 de fevereiro. Serão 4 partidas até a estreia na Libertadores. Os reforços da equipe estrearam em um amistoso neste sábado (19), com vitória por 1 a 0 sobre o Chacarita Juniors

Huracán: a estreia no Campeonato Argentino aconteceu neste domingo (20), com empate por 0 a 0 com o San Lorenzo. A equipe do novo técnico Antonio Mohamed ainda disputará 6 jogos até estrear na Libertadores. O principal reforço por enquanto é o veterano Lucas Barrios, ex-Palmeiras e Grêmio.

Grupo D, do Flamengo

LDU: o time só vai estrear no Campeonato Equatoriano em 9 de fevereiro. Serão 4 partidas até a estreia na Libertadores. Até agora o time contratou 5 reforços para 2019 (Andres Chicaiza, Roberto Garcés, José Cazares, Adolfo Muñoz e Carlos Rodríguez).

Peñarol: o Campeonato Uruguaio só começará em 9 de fevereiro. Enquanto se prepara, a equipe já contratou 4 jogadores (Jesús Trindade, Mathías Pintos, Yeferson Quintana e Gastón Rodríguez) e negociou 9 (Gastón Guruceaga, Carlos Rodríguez, Emilio Mac Eachen, Carlos Matheu, Maximiliano Rodríguez, Lucas Viatri, Gonzalo Freitas, Fabián Píriz y Mauro Brasil).

San José: a estreia no Campeonato Boliviano aconteceu neste domingo (20), contra o Nacional Potosí, com empate por 2 a 2. Até a estreia na Libertadores o time vai disputar mais 8 partidas.

Grupo F, do Palmeiras

Junior: a temporada colombiana começará nesta quarta (23), com a disputa entre Junior e Tolima pela Supercopa. O jogo de volta será no domingo (27). O campeonato nacional já vai iniciar na semana seguinte, dia 30. A equipe de Barranquilla disputará ao todo 10 partidas até estrear na Libertadores, contra o Palmeiras. O elenco ainda está sendo formado, pois falta encontrar um substituto para Barrera, destaque de 2018. Outros jogadores importantes correm risco de sair, como Luis Díaz, Teófilo Gutiérrez e Victor Cantillo. Mas a diretoria busca reforçar a equipe. Roger Torres e Brayner de Alba são os principais alvos atualmente.

San Lorenzo: estreou no Campeonato Argentino com um empate por 0 a 0 com o Huracán, em que teve um jogador expulso, o veterano Coloccini. A equipe vai disputar 7 jogos até estrear na Libertadores. Como terminou mal a temporada de 2018, a equipe fez uma grande reformulação, com 7 contratações e 6 saídas de jogadores.

Vencedor 2: ao todo 5 times disputam essa vaga – Melgar, Universidad de Chile, Delfín, Nacional-PAR e Caracas.

Grupo G, do Athletico-PR

Boca Juniors: O vice-campeão da Libertadores trocou de técnico e disputou 2 amistosos sob comando de Gustavo Alfaro. Primeiro perdeu para o Union Santa Fé e depois bateu o Aldovisi. A estreia no Campeonato argentino será no dia 27. O Boca disputará 8 partidas até o primeiro jogo na Libertadores. Serão jogos importantes para preparar uma equipe que está passando por muitas mudanças, inclusive no elenco, com 4 contratações e 8 saídas de jogadores.

Tolima: vai disputar a Supercopa da Colômbia contra o Junior a partir desta quarta (23). O campeonato nacional já vai iniciar na semana seguinte, dia 30. Até a estreia na Libertadores, justamente contra o Furacão, serão 10 jogos ao todo.

Jorge Wilstermann: o time estreou no Boliviano com derrota para o Bolívar, por 2 a 0, neste domingo (20). A equipe ainda vai jogar 8 vezes até estrear na Libertadores.

Grupo H, do Grêmio

Rosario Central: o time disputou 2 amistosos em 2019 e perdeu ambos, contra Belgrano e Racing. Agora vai jogar 7 partidas do Campeonato Argentino até estrear na Libertadores, contra o Grêmio. A diretoria contratou 6 jogadores, inclusive Allione, ex-Palmeiras, mas perdeu 7 atletas, sendo que um deles, Marco Ruben, foi para o Athletico-PR. O técnico é Edgardo Bauza, ex-São Paulo.

Universidad Católica: o atual campeão chileno ainda não estreou e vai disputar a Supercopa contra o Palestino no dia 9 de fevereiro. O Campeonato Chileno começará logo depois.

Vencedor 3: ao todo 5 times disputam essa vaga – The Strongest, Libertad, La Guaíra, Real Garcilaso e Atlético Nacional.