Botafogo oficializa pedido de anulação da partida contra Palmeiras pelo Brasileirão

  • Por Jovem Pan
  • 27/05/2019 20h25
ICARO LIMAVERDE MARQUEZIBotafogo x Palmeiras

O Botafogo oficializou, na noite desta segunda-feira (27), o pedido de anulação da partida contra o Palmeiras, do último sábado (25), pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro, junto ao STJD.

O pedido de anulação da partida foi protocolado pelo Botafogo por conta de uma suposta irregularidade na utilização do VAR. O clube carioca alega que o árbitro de vídeo foi utilizado de maneira equivocava no lance do gol palmeirense. O Glorioso se baseia no na regra 5 da FIFA e no protocolo 8.12 do VAR.

O lance começou após finalização de Dudu defendida por Gatito. O goleiro soltou a bola, que sobrou para Deyverson. Antes de chegar na jogada, o atacante palmeirense foi pisado por Gabriel e caiu na área. O árbitro da partida, Paulo Roberto Alves Junior, não entendeu o lance como penalidade e deu cartão amarelo para Deyverson. O juiz foi alertado pelo VAR, reviu o lance e marcou pênalti.

Na argumentação do Botafogo, o árbitro reiniciou a partida por alguns segundos, após o amarelo para Deyverson, antes de ser alertado pelo VAR para rever a jogada. Gatito tocou a bola para um zagueiro, que lhe devolveu, antes do juiz paralisar novamente o lance para olhar o árbitro de vídeo.