Com gol aos 48 minutos, Palmeiras bate Galo e evita quarto empate seguido

  • Por Jovem Pan
  • 22/07/2018 18h05
PETER LEONE/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOCom o triunfo, o Palmeiras sobe três posições e fica com 23 pontos. Mesmo número do Atlético, que ainda está na frente por conta dos gols pró

O Palmeiras recebeu o Atlético-MG no Allianz Parque, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, e saiu com uma vitória após três empates consecutivos na competição. Moisés e Bruno Henrique – duas vezes – marcaram para os paulistas enquanto Luan e Chará anotaram para os mineiros. Com o triunfo, o Palmeiras sobe três posições e fica com 23 pontos. Mesmo número do Atlético, que ainda está na frente por conta dos gols pró.

Nos primeiros lances, pareceu que seria um jogo bem movimentado. Mas, no decorrer, os times ficaram nervosos e isso atrapalhou o andamento da partida. As equipes mantinham a posse de bola mas erravam o último passe ou a finalização.

Logo aos dois minutos de jogo, Moisés pressionou a saída de bola do Galo, Junhinho se atrapalhou e perdeu a bola para o camisa 10 do alviverde. Moisés só teve que tirar de Victor para abrir o placar.

Três minutos mais tarde, Scarpa cobrou escanteio e Victor socou a bola para fora da área. Na sobra, Moisés pegou de primeira e a bola explodiu no travessão do Atlético. Bruno Henrique ficou com o rebote, bateu cruzado e a bola passou rente à trave.

O Galo tentou crescer na partida, mas sempre parava na zaga do Palmeiras ou em impedimentos. Aos 22, o Atlético saiu jogando mal novamente, Dudu recuperou a bola e tentou encobrir Victor. Atento, o goleiro conseguiu fazer a defesa.

Só aos 30 minutos que os mineiros conseguiram fazer com que Weverton trabalhasse. Em troca de passes, desde o campo de defesa, Ricardo Oliveira recebeu, invadiu a área e tentou driblar o goleiro palmeirense. Weverton, bem posicionado, conseguiu fechar o ângulo e afastar o perigo.

Sete minutos mais tarde, Chará acionou Ricardo Oliveira na lateral, o atacante cruzou na área, Fábio Santos ajeitou o corpo, esperou a bola pinga e emendou o chute para a defesa do goleiro palestrino.

Segundos antes de acabar a primeira etapa, quase que o Palmeiras de se complica. Moisés errou o recuo, mas Weverton conseguiu chegar antes que Luan na bola e de carrinho conseguiu afastar.

O Galo, que terminou melhor o primeiro tempo, voltou pressionando e aos cinco minutos conseguiu o gol de empate. Em bom avanço pela lateral, Patric cruzou para Matheus Galdezani, o meia cabeceou para baixo e Weverton fez grande defesa. Na sobra, Luan, em posição legal só empurrou para o fundo do gol.

Após o empate, o jogo ficou truncado e as equipes tiveram poucas oportunidades de gol. Entretanto, aos 30 minutos da segunda etapa, Bruno Henrique cobrou falta com maestria no canto oposto de Victor, que nada pôde fazer. O Palmeiras não fazia um gol de falta em jogos oficiais desde fevereiro de 2015, quando Robinho marcou contra o Capivariano.

Os paulistas nem tiveram tempo para comemorar. Poucos minutos depois, Elias recebeu na lateral do campo e ajeitou para Chará. O colombiano bateu colocado de fora da área e empatou para o Galo. Sem chances para Weverton.

No apagar das luzes, com 48 minutos jogados, o Palmeiras teve falta na metade do campo. Deyverson foi lançado, ajeitou de cabeça para Bruno Henrique que testou para o fundo das redes, sem goleiro. Victor tentou cortar a bola mas ficou no meio do caminho.

Na próxima rodada, o Verdão vai até o Maracanã encarar o Fluminense, quarta-feira (25), às 19h30.Já o Galo recebe o Paraná no Independência, também quarta-feira, às 21h.

Ouça aos gols da partida na voz de Nilson Cesar:

Palmeiras 1 x 0 Atlético Mg – Moisés

Palmeiras 1 x 1 Atlético MG – Luan

Palmeiras 2 x 1 Atlético MG – Bruno Henrique

Palmeiras 2 x 2 Atlético MG – Chará

Palmeiras 3 x 2 Atlético MG – Bruno Henrique