Contratação de Goulart e jogo-treino indicam que Moisés será volante em 2019

  • Por Jovem Pan
  • 16/01/2019 16h04
Palmeiras/ DivulgaçãoMoisés jogou como volante contra o Audax

Como Felipão esconde a maioria dos treinos táticos do Palmeiras, é preciso encontrar pistas nos pequenos detalhes para entender o planejamento de 2019. E fazendo isso é possível perceber uma mudança que deve ocorrer com Moisés. A recente contratação de Ricardo Goulart e um jogo-treino realizado nesta quarta-feira (16) mostram que ele deve ser aproveitado como volante a partir de agora.

Em 2017, quando o Palmeiras contratou Lucas Lima, Moisés já disse que prefere ser utilizado como volante: “Eu jogo também como meia, mas a função que eu prefiro, onde me sinto mais à vontade, onde eu acho que meu futebol mais cresce, é como segundo volante ou até primeiro”.

Mas essa mudança de posição não aconteceu em 2018. Na prática Moisés revezou com Lucas Lima a função de principal meia armador do time. Com problemas físicos e pouco inspirado, o camisa 10 do Palmeiras teve poucas atuações de brilho.

Em 2019, quando estiver disponível, Ricardo Goulart deve ser aproveitado como meia-atacante. Ele é versátil, pode jogar também como centroavante, mas Felipão já mostrou no Palmeiras que prefere ter uma referência mais fixa na área, como Deyverson, Borja ou Arthur Cabral.

Provavelmente pensando nisso, Felipão testou Moisés como volante nesta quarta, no jogo-treino contra o Audax, que terminou empatado por 1 a 1. A escalação do Verdão foi cheia de jogadores que devem ser reservas nesta temporada: Jailson; Jean, Edu Dracena, Juninho e Nico Freire; Matheus Fernandes, Moisés e Guerra; Erik, Arthur Cabral e Hyoran.

Mas a observação do posicionamento de Moisés é importante para o time titular. Ele pode atuar ao lado de Bruno Henrique, por exemplo, ou fazer a função dele na escalação alternativa do Verdão.