São Paulo ficou mais perto da liderança, terá confronto direto, mas desfalques desanimam

  • Por Jovem Pan
  • 29/10/2018 10h09
Rubens Chiri / saopaulofc.netRojas não enfrentará o Flamengo e só voltará a jogar em 2019

O São Paulo ganhou motivos para ficar mais animado neste final de semana. O time venceu o Vitória, diminuiu a diferença para o líder Palmeiras, que agora é de 7 pontos, e terá um confronto direto contra o 2º lugar, Flamengo, na próxima rodada, no Morumbi. Ou seja, criou-se um ambiente favorável para o time crescer na reta final do Campeonato Brasileiro. Exceto por um problema: o excesso de desfalques no ataque tricolor.

As novas lesões foram de Joao Rojas e Everton Felipe. O equatoriano sofreu uma ruptura no tendão patelar do joelho e só voltará a jogar em 2019. O outro, que poderia substituí-lo, teve estiramento do ligamento do joelho.

Além disso, a ausência de outro jogador, Everton, já tem causado muitos problemas ofensivos para o São Paulo. A queda de desempenho no 2º turno tem tudo a ver com a lesão do meia-atacante, que não terá condições físicas de jogar contra o Fla, no domingo (4), às 17h (de Brasília).

Sempre houve desconfiança sobre a qualidade do elenco do São Paulo. E agora a falta de peças para reposição fica evidente. O técnico Diego Aguirre terá que recorrer a improvisações, escalando lateral (Reinaldo), volante (Liziero) ou centroavante (Tréllez) nas pontas. Outra possibilidade é dar chance para jogadores jovens não testados, como Helinho e Anthony.

E os desfalques não ficam só no ataque. Aguirre não contará também com os suspensos Hudson e Jean. Neste caso os substitutos são mais óbvios, Sidão e Jucilei.

Com tantos problemas, o São Paulo tentará ficar mais perto do vice-líder Flamengo. Atualmente o Tricolor tem 56 pontos, enquanto o Rubro-Negro tem 59. Mesmo se vencer, o time paulista não vai ultrapassá-lo na tabela porque terá uma vitória a menos. Já o Palmeiras tem 63 pontos e fará clássico contra o Santos, em casa, no sábado, às 19h. No 3º lugar, com 58 pontos, o Inter vai enfrentar o Atlético-PR em casa, no domingo (4), às 19h.