Jones perde patrocínio e é excluído do ranking do UFC; Aldo agora é o número 1

  • Por Jovem Pan
  • 29/04/2015 13h11
Jon Jones perdeu seu cinturão e está suspenso do UFC

O dia não é de notícias boas para Jon “Bones” Jones. Após se envolver em um acidente automobilístico, fugir sem prestar socorro as vitimas e ter maconha encontrada em seu carro, o peso-meio pesado foi suspenso por tempo indeterminado do UFC, teve seu cinturão retirado, e agora foi excluído do ranking da organização.

Com a exclusão de Jones do ranking do UFC, o brasileiro José Aldo, que tinha a segunda posição, ficou com a primeira colocação peso-por-peso, seguido pelos americanos Demetrious Johnson e Chris Weidman.

Já no ranking da categoria peso-meio-pesado, que agora fica sem um campeão até o próximo dia 23, quando Anthony Johnson disputará o cinturão com Daniel Cormier, tem exatamente Johnson na posição 0.

E as notícias para Jon Jones não pararam por aí. O americano perdeu seu patrocínio com a empresa de material esportivo, Reebok. Em 2014, Jones já tinha perdido o patrocínio que tinha com a Nike, após brigar com Daniel Cormier em um evento de promoção da luta entre os dois.