Lutador demitido por uso de maconha se revolta com UFC por apoio a Jones

  • Por Jovem Pan
  • 07/01/2015 12h29
Matt Riddle - UFC

O UFC tem histórico em demitir alguns atletas que foram pegos no exame antidoping pelo uso de drogas e um deles se revoltou com a organização por dar apoio ao campeão Jon Jones, que foi pego por usar a substância benzoilecgonina, encontrada na cocaína. O lutador Matt Riddle se manifestou em sua página no Twitter e fez duras críticas à organização e ao presidente do Ultimate, Dana White.

Riddle, lutador da categoria meio-médio, foi demitido do UFC há quase dois anos, após ser flagrado por duas vezes por uso de maconha.

“Vocês, idiotas, me demitiram por uso de maconha enquanto permitem que lutadores usem drogas mais pesadas sem nenhuma consequência para eles. Honestamente, a melhor coisa que me aconteceu foi ser demitido do UFC” – escreveu, chamando White de idiota e a organização de lixo.

Jon Jones recebeu apoio após a notícia de que teria sido reprovado no exame antidoping por utilizar cocaína e deu entrada numa clínica de reabilitação. O Ultimate logo demonstrou apoio ao seu campeão, não comentando nada sobre punições ao atleta.

A Comissão Atlética de Nevada, órgão que condiciona as regras dos esportes de luta dos Estados Unidos, ainda não se pronunciou sobre o assunto e as medidas tomada para punir o norte-americano ainda são incertas.