Bottas supera Hamilton, faz história e crava a pole no milésimo GP da história da F1

  • Por Jovem Pan
  • 13/04/2019 11h32
Diego Azubel/EFEO finlandês Valtteri Bottas é o atual líder do Mundial de Pilotos da Fórmula 1

O finlandês Valtteri Bottas fez história neste sábado, em Xangai. O piloto da Mercedes foi o mais rápido do treino clássificatório e conquistou a pole para o GP da China, o milésimo da história da Fórmula 1. O atual líder do Mundial de Pilotos desbancou dois multicampeões da categoria – o inglês Lewis Hamilton e o alemão Sebastian Vettel – para largar na ponta pela primeira vez na temporada.

Para cravar a pole, Bottas teve de travar um duelo particular na Mercedes contra o pentacampeão mundial no Q3, a terceira e decisiva fase do treino oficial. O finlandês levou a melhor com o tempo de 1min31s547 e ficou à frente de Hamilton por apenas 0s023 (1min31s570). Ele é o terceiro piloto diferente a ser pole em 2019 – os outros foram o inglês, na Austrália, e o monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, no Bahrein -, fato que não acontecia há 11 anos.

“Tem sido um fim de semana muito bom até agora”, disse Bottas, após a volta que garantiu a pole. “Eu me senti confortável com o carro desde a manhã. Mas tive dificuldades no Q3 ao tentar tirar o máximo de performance. A volta foi OK. Não do jeito que eu queria, mas suficiente para a pole. O carro está realmente muito bom e Lewis melhorou muito ao longo da sessão. Foi muito perto”, completou.

A Ferrari, que brilhou no treino oficial de classificação no Bahrein e é considerada a maior favorita na China, não mostrou a força esperada e ficou com a segunda fila do grid de largada. Vettel cravou 1min31s848 e conquistou o terceiro posto, deixando Leclerc na quarta posição bem perto com o tempo de 1min31s865.

A largada do GP de número 1000 da história da Fórmula 1, no circuito Internacional de Xangai, na China, acontece às 3h10 (de Brasília) deste domingo.

*Com informações do Estadão Conteúdo