José Aldo nocauteia Moicano e Marlon Moraes vence revanche no UFC Fortaleza

  • Por Jovem Pan
  • 03/02/2019 16h34
Estadão ConteúdoDepois de um início de luta cauteloso, Aldo entrou para o segundo round do combate contra Moicano mostrando que veio para conquistar mais uma vitória na carreira. E ele conseguiu. Com uma sequência de socos no rosto do adversário, o manauara garantiu o triunfo por nocaute técnico.

O UFC Fortaleza foi palco de mais uma importante vitória de José Aldo no octógono. Na madrugada deste domingo, o ex-campeão peso pena entrou no Centro de Formação Olímpica (CFO) e levou os fãs à loucura ao nocautear Renato Moicano. A noite também contou com a finalização de Marlon Moraes sobre Raphael Assunção, resultado que pode definir o próximo desafiante pelo cinturão peso galo.

Depois de um início de luta cauteloso, Aldo entrou para o segundo round do combate contra Moicano mostrando que veio para conquistar mais uma vitória na carreira. E ele conseguiu. Com uma sequência de socos no rosto do adversário, o manauara garantiu o triunfo por nocaute técnico.

Logo após a vitória, Aldo deixou o octógono para comemorar com os fãs, que corresponderam entoando o nome do lutador nas arquibancadas do CFO. “Galera, muito obrigado pelo carinho. Hoje entrei aqui como azarão e sabia que vocês estariam do meu lado. Que a vitória seria nossa”, disse.

Depois do triunfo de Aldo, foi a vez da revanche entre Raphael Assunção e Marlon Moraes. Apesar de serem ofuscados pela idolatria voltada ao ex-campeão peso pena, os lutadores da categoria peso galo não ficaram para trás e entraram no show de finalizações da noite com a vitória de Moraes no primeiro round

Quarto colocado no ranking peso galo, Moraes conquistou a quarta vitória consecutiva no Ultimate. Antes de deixar o octógono do UFC Fortaleza, ele afirmou que deseja ser o próximo desafiante do campeão TJ Dillashaw. “Eu vou pegar esse cinturão”, avisou o brasileiro.

Quem também participou do show de finalizações da noite de combates foi Demian Maia. O paulista precisou de apenas um round para derrotar o norte-americano Lyman Good. Depois de subir nas costas do rival e aplicar um mata-leão, ele somou a décima finalização da sua carreira. Além disso, se mantém como o brasileiro com o maior número de vitórias no UFC.

Segurança
A onda de violência registrada no Ceará desde o início do ano não ofuscou o UFC Fortaleza. Em clima festivo e sem contratempos, o Centro de Formação Olímpica (CFO) recebeu um bom público para o evento. Em contato com a reportagem do Estado, a Secretaria do Esporte informou que a segurança ao redor do complexo foi reforçada.

Questionados sobre a presença das equipes da Força Nacional de Segurança, que estão alojadas no CFO, a Secretaria de Esporte ainda afirmou que o alojamento dos agentes não interferiu na área reservada para o evento.

*Com Estadão Conteúdo