São Paulo deve confirmar Arboleda e Petros nos próximos dias

  • Por Estadão Conteúdo
  • 21/06/2017 20h23 - Atualizado em 29/06/2017 01h00
Petros elogiou a preparação dos jovens jogadores nas categorias de base dos times europeus

Depois de anunciar a contratação do meia Jonathan Gómez, do Independiente Santa Fe, da Colômbia, por três temporadas, o São Paulo deve confirmar oficialmente mais dois reforços nos próximos dias: o zagueiro Robert Arboleda, do Universidad Católica, de Quito, e o volante brasileiro Petros, ex-Corinthians, que estava no Betis, da Espanha. Além deles, o clube promete pelo menos mais dois novos jogadores para o elenco do técnico Rogério Ceni.

O maior investimento está sendo feito em Petros. O São Paulo vai pagar 2,5 milhões de euros (cerca de R$ 9,3 milhões) por 50% dos direitos econômicos dele. A intenção é comprar as outras partes do atleta, que pertence ao Corinthians (25%) e ao empresário Fernando Garcia (25%). Mas a forma como isso será feito ainda não está definida.

Aos 28 anos, Petros chega para ser titular do time. Ele vai assinar um contrato de quatro anos e já tinha manifestado a vontade de voltar ao futebol brasileiro depois de dois anos na Europa. O martelo já foi batido entre as partes, mas o contrato ainda não foi assinado. Isso deve ocorrer em breve.

O equatoriano Arboleda, por sua vez, já se despediu de seu clube e está vindo para o Brasil. Ele foi contratado por cerca de US$ 2 milhões (R$ 6,6 milhões) e ficará no São Paulo por três anos e meio. Aos 25 anos, ele chega para suprir as saídas de Lucão, que deve ser negociado, e Maicon, que tem proposta do Galatasaray, da Turquia.

Nesta quarta-feira, o atleta atuou pela última vez por sua equipe na vitória de 4 a 0 sobre o River e fez o terceiro gol do duelo. Arboleda foi substituído nos minutos finais e foi ovacionado pela torcida. O Universidad Católica, inclusive, desejou boa sorte ao atleta em suas redes sociais e confirmou a transferência para o São Paulo.