Carlos Bolsonaro ironiza demissão de Levy: ‘A culpa não foi minha dessa vez?’

  • Por Jovem Pan
  • 16/06/2019 09h56
WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDOCarlos Bolsonaro ironizou a demissão de Joaquim Levy da presidência do BNDES

O vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro (PSC), filho do presidente Jair Bolsonaro, usou o Twitter para comentar a demissão de Joaquim Levy da presidência do BNDES, neste domingo (16).

Em um post na rede social, Carlos ironizou o fato de ter sido acusado de ter causado demissões no governo do pai. “A culpa não foi minha dessa vez, cambada de fdp?”, perguntou.

O parlamentar esteve supostamente envolvido em pelo menos duas demissões de ministros do governo Bolsonaro. O ex-ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, acusou o filho do presidente de tramar sua exoneração em fevereiro.

Nesta semana, Bebianno afirmou que Carlos Bolsonaro também foi o responsável pela demissão de Carlos Alberto dos Santos Cruz do cargo de ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência. “Quando o presidente Carlos Bolsonaro toma uma decisão, não há volta”, disse ao colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo.

Demissão de Joaquim Levy

A demissão de Joaquim Levy da presidência do BNDES aconteceu na manhã deste domingo (16), um dia após o economista ter sido criticado pelo presidente Jair Bolsonaro.

No sábado, Bolsonaro disse que estava incomodado com Levy pela nomeação de Marcos Barbosa Pinto ao cargo de diretor de Mercado de Capitais. Barbosa Pinto foi chefe de gabinete de Demian Fiocca, presidente do BNDES entre 2006 e 2007, durante o governo de Luiz Inácio Lula da Silva. Ele também entregou o cargo.