Criminalidade: Latrocínios dobram em SP no mês de setembro; homicídios e roubos diminuem

  • Por Rafael Iglesias
  • 25/10/2018 19h28 - Atualizado em 14/11/2018 04h36
Reprodução/Facebook

Os latrocínios dobraram em setembro no estado de São Paulo, de acordo com dados da Secretaria da Segurança Pública (SSP) divulgados na tarde desta quinta-feira (25). No período, os homicídios e os roubos diminuíram.

O número de casos e de vítimas de roubo seguido de morte, que foi o mesmo, subiu de 11 para 22 no mês passado, em comparação com setembro de 2017. O indicador já havia aumentado em agosto (15%), numa reversão da queda registrada em 13 meses seguidos.

Por meio de nota, a SSP justificou o aumento dizendo que setembro de 2017 apresentou “um pico de baixa” e isso causa distorção na análise, já que o número atual “não diverge da média de casos em 2018 (22 por mês)”.

A pasta chefiada por Mágino Alves Barbosa Filho destaca que, nos últimos 12 meses, a taxa de latrocínios diminuiu de 0,76 para 0,61 casos por 100 mil habitantes. De janeiro a setembro, houve queda de 24,43% no total de registros.

Homicídios diminuem

Os homicídios dolosos (intencionais) diminuíram 17% no mês, de acordo com o governo. A queda foi de 266 para 221 casos. O número de vítimas recuou 14%. Em setembro, 233 pessoas foram assassinadas em SP.

Crimes contra o patrimônio

Em setembro, houve menos roubos. Foram 19.928, 13% a menos que no mesmo mês de 2017. A SSP não soma a esse indicador os roubos de veículo que, isoladamente, baixaram 15% (de 5.337 para 4.528).

Atualizado às 21h25