Em empate técnico, 47% dos brasileiros são a favor e 44% contra a nova Previdência, diz Datafolha

  • Por Jovem Pan
  • 09/07/2019 10h25
Luis Macêdo/Câmara dos DeputadosSegundo a pesquisa, mulheres e jovens ainda são contra a mudança nas regras de aposentadoria

Cresceu o número de brasileiros que são favoráveis à reforma da Previdência proposta pelo governo de Jair Bolsonaro (PSL). De acordo com Pesquisa Datafolha divulgada nesta terça-feira (9), 47% da população concorda com o texto atualmente em tramitação do plenário da Câmara dos Deputados. Na última pesquisa feita pelo instituto, em abril, o percentual de pessoas que concordavam com a reforma era 41%, um aumento de 6 pontos percentuais (p.p).

Apesar da melhora no número, no entanto, a questão ainda é entendida como um empate técnico, visto que 44% da população se diz contra as mudanças nas regras de aposentadoria, índice 7 p.p menor do que em abril. Isso porque a margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Além dos 47% a favor e 44% contra, 6% das pessoas não souberam opinar sobre o assunto. Já outros 3% dos entrevistados se disseram indiferentes à reforma.

Mulheres e jovens

O crescimento do apoio à proposta aconteceu em ambos os sexos e em todas as faixas etárias, mas não foi suficiente para conquistar toda a população. Entre as mulheres, por exemplo, apesar de a aprovação ao projeto ter aumentado de 34% para 39%, 50% delas ainda se dizer contra a reforma da Previdência, número bem superior ao dos homens, onde 38% são contra e 57% a favor.

O mesmo acontece quando analisado por faixa-etária. Mesmo com ampliação do apoio em todas as idades, 50% da população mais jovem, entre 16 e 44%, ainda não concorda com o projeto. O número de pessoas favoráveis, por idade, supera a quantidade de pessoas contra apenas na faixa acima de 45 anos.

Pesquisa

A pesquisa foi feita nos dias 4 e 5 de julho e contou com com 2.086 entrevistados com mais de 16 anos. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou menos., com nível de confiança de 95%.