‘Fiquem tranquilos’, diz Bolsonaro a policiais sobre reforma da Previdência

  • Por Jovem Pan
  • 03/07/2019 14h10
Marcos Corrêa/PRPresidente da República participou da troca de oficiais do Comando Militar do Sudeste em SP ao lado do governador João Doria

O presidente Jair Bolsonaro pediu a policiais militares que ficassem “tranquilos” sobre as mudanças que afetarão a categoria na reforma da Previdência. A declaração foi feita nesta quarta-feira (3) em São Paulo, durante a troca de oficiais do Comando Militar do Sudeste.

“A reforma da Previdência atenderá a todos, fiquem tranquilos meus colegas das forças auxiliares, o sacrifício tem de ser dividido por todos”, disse o presidente.

A declaração foi direcionada aos policiais militares. Porém, as regras de aposentadoria de policiais militares não serão tratadas neste momento da reforma da Previdência, porque são equiparadas às dos militares das Forças Armadas, que serão discutidas em outro projeto.

O impasse agora envolve policiais federais, civis e rodoviários federais. Parte da bancada de policiais do PSL na Câmara tem ameaçado não votar a reforma caso as demandas desses grupos não sejam atendidas. Os parlamentares ligados ao setor de segurança pública querem regras mais brandas de aposentadoria para a categoria do que as previstas atualmente no parecer da proposta.

Logo antes de falar da reforma, Bolsonaro se dirigiu ao governador de São Paulo, João Doria, também presente no evento, e disse: “Sabemos da dificuldade que todo governador tem para conduzir o destino do seu Estado, parabéns pela forma como conduz o meu, o nosso Estado de São Paulo. É difícil, mas cumpriremos essa missão”.

Estadão Conteúdo