Luisa Mell garante irregularidade de corujas em exposição em shopping de São Paulo

  • Por Adriano Sarafim/Jovem Pan
  • 01/03/2018 14h47
ReproduçãoO Shopping Eldorado retirou os animais da exposição, que teve início em 18 de fevereiro

Na última quarta-feira (28), apresentadora e ativista Luisa Mell denunciou a exposição “Casa dos Bruxos”, no Shopping Eldorado, por manterem corujas amarradas pelas patas durante todo 12 horas, todos os dias da semana. Após toda a repercussão da postagem feita pela ativista nas redes sociais, o shopping retirou os animais do local e garantiu que eles não voltarão a participar do evento.

Em conversa com a Jovem Pan nesta quinta-feira (1), Mell informou que a situação dos animais estava completamente irregular e que as corujas não tinham autorização do Ibama e nem do governo para estar no local.

“Eu nem cheguei a fazer denúncia de maus-tratos porque a situação deles era totalmente irregular. Eles não tinham autorização nem do Ibama e nem do governo para praticar tal atividade. O que este homem está falando, já começa que ele estava cometendo um crime, tanto que foi autuado pelo Ibama”, explica.

A apresentadora de televisão ainda ressalta que as aves não tinham documentação e nenhum atestado de saúde, podendo transmitir doenças para o público que passava pelo local da exposição focada no universo de “Harry Potter”.

“Outra coisa importante em falar sobre o caso é que ele não tinha nenhuma documentação e não tinha uma coisa inclusive muito importante para esses tipos de evento com animais, esses animais silvestres podem transmitir zoonoses para as pessoas, então assim que chegou o biólogo questionou isso e eles não tinham nenhum atestado de saúde”, revelou.

Mell destaca que os maus-tratos eram evidentes por conta de as corujas terem comportamentos noturnos e ficarem expostas sem descansar durante todo o funcionamento do shopping.

“Os maus-tratos eram evidentes. Colocar a iluminação artificial para parecer noite você desregula todo o metabolismo e produção hormonal da ave, só por isso já está claro que estava havendo um crime. A coruja precisa estar num local calmo e silencioso, que é o seu habitat natural. Isso é bem diferente de um shopping e evento voltado para crianças”, concluiu.

Oi amigos! Passei a tarde toda no @shoppingeldorado com a polícia ambiental e o ibama. O evento casa dos bruxos e o responsável pelos animais foram autuados por exploração comercial de animal silvestre. O Shopping Eldorado se comprometeu a nunca mais permitir nenhum tipo de atividade q explore animais. O Ibama começou uma investigação na empresa que “ alugava” os animais. Ficaremos em cima! Pq explorar animal não é profissão! É crime! Obrigada a cada um de vcs que se manifestou, ligou, escreveu… graças a repercussão conseguimos acabar com este show de horror! O evento continua MAS CORUJAS Só as de pelúcia ( como a que está em meu colo!) Obrigada a minha seguidora que denunciou! Obrigada aos ativistas que foram comigo assim q chamei! Obrigada ao Ibama e Polícia Ambiental pela seriedade q trabalharam no caso! O deputado Capez @fernandocapez que assim qviu minha postagem me ligou e acionou o Ibama e a polícia ❤️❤️❤️cada um de vcs que se importa com os animais!!

A post shared by Luisa mell (@luisamell) on