Mais Médicos: novo edital permitirá inscrições de formados no exterior

  • Por Jovem Pan
  • 07/12/2018 14h29
Marcos Santos/USP ImagensGoverno deve abrir novo edital para suprir vagas remanescentes

O ministro da Saúde, Gilberto Occhi, afirmou que o governo já tem um plano B para completar eventuais vagas remanescentes do Mais Médicos. A ideia é lançar um novo edital em 17 de dezembro para que pessoas formadas no exterior, assim como no Brasil, possam participar do programa.

A inscrição para 8.517 postos abertos com a saída de cubanos termina nesta sexta-feira (7) e ainda há 123 cargos disponíveis e pelo menos 200 desistências em todo o País. Os profissionais atuarão em 2.824 municípios e 34 distritos sanitários indígenas. A declaração de Occhi foi dada na quinta (6), durante audiência pública no Senado.

“O edital do programa Mais Médicos é uma seleção para ocupação de vagas de profissionais nos municípios. Assim como todo processo seletivo, os participantes têm autonomia para assumir ou não a vaga selecionada. Em caso de necessidade, o ministério fará novas chamadas até que se complete o quadro de vagas”, informou.

Término de inscrições

As inscrições do primeiro edital do programa Mais Médicos terminam às 23h59 deste sexta-feira (7). Lançado no dia 20 pelo Ministério da Saúde, o período foi prorrogado, já que houve instabilidade no site de inscrições. Os problemas foram causados pela grande quantidade de acessos simultâneos – que chegou a mais de 1 milhão.

*Com informações da Agência Brasil