Traficante morre após fuzil que manuseava explodir contra seu peito

  • Por Jovem Pan
  • 22/04/2019 10h10
Reprodução / Redes SociaisAo ser recebido no hospital, "PQD" afirmou que os ferimentos teriam sido decorrentes de um "acidente de trabalho"

Um traficante de drogas do Complexo do Chapadão, no Rio de Janeiro, morreu neste domingo (21) após o fuzil que manuseava explodir contra seu próprio peito. Conhecido como PQD, César Augusto de Araújo, de 30 anos, teve o pulmão e o abdômen perfurados por estilhaços da arma.

Após o incidente, o criminoso foi levado para um hospital particular da capital fluminense, mas logo em seguida os médicos o encaminharam para um centro médico penitenciário da cidade.

Ao ser recebido na unidade, PQD afirmou que os ferimentos teriam sido decorrentes de um “acidente de trabalho”.

Com informações do repórter Rodrigo Viga