Confiança Empresarial atinge maior nível desde março de 2014, aponta FGV

  • Por Jovem Pan
  • 02/01/2019 10h37
Agência BrasilCom expressiva alta em dezembro, a confiança do comércio passa dos 100 pontos pela primeira vez desde março de 2014, segundo o Índice de Confiança Empresarial (ICE) da Fundação Getúlio Vargas (FGV)

O Índice de Confiança Empresarial (ICE) subiu 1,0 ponto em dezembro e chegou a 95,9 pontos. Esse é o maior nível desde março de 2014, quando atingiu 97,8 pontos.

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (2) pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV IBRE). Eles integram as Sondagens de Índices de Confiança Empresarial e consolidam os índices de confianças em quatro setores cobertos: indústria, serviços, comércio e construção.

Na avaliação do superintendente de Estatísticas Públicas da FGV, Aloisio Campelo Jr., o índice de confiança do empresariado vem se aproximando da normalidade. “Após a terceira alta consecutiva, a confiança empresarial se aproxima de níveis que retratam uma situação de normalidade” disse.

Setores

Segundo o levantamento feito pela FGV, houve aumento da confiança na margem em todos os setores que integram o ICE pelo segundo mês consecutivo.

Já na métrica de média móveis trimestrais, a variação foi negativa apenas na indústria, com queda de 0,4 ponto. Com expressiva alta no mês, a confiança do comércio passa dos 100 pontos pela primeira vez desde março de 2014.

A indústria e os serviços avançaram menos e apresentam agora níveis de confiança muito próximos entre si. Já a confiança da construção subiu pelo quarto mês consecutivo, mas continua sendo a mais baixa entre os quatro setores.

Em dezembro, houve alta da confiança em 65% dos 49 segmentos que integram o Índice de Confiança Empresarial.