Faturamento do setor de máquinas sobe 14,4% em outubro, diz Abimaq

  • Por Jovem Pan
  • 27/11/2018 13h54
PixabayAs empresas faturaram, no mês passado, um total de R$ 7,2 bilhões

Considerado um termômetro do nível de investimentos no Brasil, o faturamento das fabricantes de máquinas e equipamentos cresceu 14,4% em outubro deste ano ante igual mês do ano passado, mostram dados divulgados nesta terça-feira, 27, pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). As empresas faturaram, no mês passado, um total de R$ 7,2 bilhões.

Em relação a setembro, o volume representa alta de 1,9%. No acumulado de janeiro a outubro, as vendas do setor somaram R$ 65,1 bilhões, crescimento de 7,7% na comparação com igual período de 2017.

O consumo aparente da indústria – indicador que exclui as exportações do faturamento e inclui as importações, para ter uma noção do tamanho da demanda interna – alcançou R$ 9,6 bilhões em outubro, avanços de 25,4% em relação a igual mês do ano passado e de 2,6% ante setembro.

No acumulado do ano, o consumo aparente é de R$ 87,6 bilhões, alta de 13,9% sobre o resultado de igual período do ano passado

Em outubro, as exportações alcançaram US$ 951,1 milhões, crescimento de 6% em relação a igual mês do ano passado e de 29,1% sobre o volume de setembro. As importações, por sua vez, somaram US$ 1,4 bilhão no mês passado, expansão de 23% ante outubro de 2017 e avanço de 23,4% sobre o montante de setembro.

No acumulado do ano, de janeiro a outubro, os embarques atingiram US$ 8,1 bilhões, aumento de 10,3% em comparação com igual intervalo de 2017. Enquanto isso, as importações somaram US$ 12,3 bilhões, alta de 16,4%.

Ainda segundo a Abimaq, o setor terminou o mês de outubro com 302,6 mil funcionários, número 4,2% maior que a quantidade de outubro do ano passado e 0,3% acima do resultado verificado no fim de setembro.

*Com Estadão Conteúdo