Ovos de Páscoa estão, em média, 40% mais caros do que em 2018

  • Por Jovem Pan
  • 16/04/2019 15h52
Cris Faga/Estadão ConteúdoPara a pesquisa, foram considerados ovos de diversos tamanhos, do nº 9 até o nº 20, que variam de 100 gramas a 400 gramas

Ao que parece, a Páscoa neste ano será mais cara para os consumidores. Segundo levantamento do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV), os ovos de até 100 gramas aumentaram cerca de 40,52% em relação ao mesmo período em 2018, subindo, em média, de R$ 26,14 para R$ 36,73. O acréscimo para ovos de 400 gramas, por sua vez, alcançou 8,25%, com valor de R$ 49,59; em 2018, os produtos custavam R$ 45,81.

O preço médio dos ovos de Páscoa de 100 gramas até 400 gramas ficou em R$ 40,63, elevação de 10,22% frente aos produtos vendidos no ano passado, superando a variação acumulada em 12 meses (de maio de 2018 a abril de 2019) do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da FGV de 4,84%. No ano passado, a variação encontrada nos mesmos produtos frente à Páscoa de 2017 foi positiva em 0,08%, com valor médio dos ovos de R$ 36,86.

Ainda de acordo com a pesquisa, o preço de bombons e chocolates também foi acima do IPC da FGV, visto que o aumento observado foi de 5,24% nos últimos 12 meses. No entanto, segundo o pesquisador do Ibre Igor Lino, em relação ao mês de março, os preços tiveram retração de 3,61%, com o IPC evoluindo 0,73% no mesmo período.

* Com informações da Agência Brasil