EUA culpam Irã por sabotagem contra navios no Golfo Pérsico

  • Por Jovem Pan
  • 14/05/2019 15h15
EFEEpisódio aconteceu no último domingo, 12, e foi anunciado pelo ministro do Exterior dos Emirados Árabes Unidos como uma "sabotagem"

Investigadores americanos acreditam que o Irã ou grupos apoiados pelo país persa usaram explosivos para sabotar os quatro navios petroleiros que estavam a caminho dos Emirados Árabes Unidos, no Golfo Pérsico. Militares que foram enviados para apurar as circunstâncias do incidente encontraram um buraco “grande” nas quatro embarcações atingidas, informou a BBC.

O “ataque” aconteceu no último domingo, 12, e foi anunciado pelo ministro do Exterior dos Emirados Árabes Unidos como uma “sabotagem que teve como alvo quatro navios comerciais” perto do porto de Fujairah.

Nenhuma evidência de que o Irã teria participado dessa sabotagem surgiu. Os países afetados ainda não sabem o que causou os danos nos navios.

O Irã pediu investigações sobre o incidente, que classificou como “preocupante”.

Cerca de um quinto do petróleo consumido mundialmente passa pelo estreito de Ormuz, onde os navios soferam os danos.

O episódio fez crescer a tensão entre o Irã e os Estados Unidos.

A decisão dos Estados Unidos de acabar com as isenções a importadores de petróleo iraniano fez com que o Irã ameaçasse fechar o estreito se fosse impedido de utilizar a passagem.