Líderes coreanos surpreendem ao se reunirem para tratar cúpula com Trump

  • Por Agência EFE
  • 26/05/2018 08h48
Agência EFELíderes coreanos voltaram a se encontrar neste sábado (26)

O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, e o líder do Norte, Kim Jong-un, surpreenderam ao se reunirem neste sábado (26) na fronteira entre os dois países para tratar a celebração da cúpula entre o dirigente da Coreia do Norte e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Ambos mantiveram um encontro – o segundo em um mês – de duas horas na militarizada fronteira entre os dois países, segundo informou o escritório presidencial sul-coreano em comunicado.

Mais cedo, o Governo da Coreia do Sul comemorou que o diálogo entre Estados Unidos e Coreia do Norte “continue vivo”, depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que ainda é possível realizar a cúpula com Pyongyang como estava previsto.

Seul avaliou de forma positiva – através de declaração do porta-voz do escritório presidencial, Kim Eui-kyeom – “a possibilidade de que o diálogo entre Coreia do Norte e EUA continue vivo sem ter sido cancelado”,

“O Governo sul-coreano observa com atenção os progressos destas conversas”, acrescentou o porta-voz, em referência às constantes viradas na posição de Trump sobre a cúpula, que surpreenderam Seul, principal promotor do diálogo com Pyongyang.