Novo comentarista da JP, Marcos Troyjo vai destacar os reflexos da economia mundial no País

  • Por Jovem Pan
  • 12/03/2018 17h34
DivulgaçãoMarcos Troyjo trabalhou como diplomata de carreira e foi secretário de imprensa da Missão do Brasil junto à ONU em Nova York

A Jovem Pan passa a contar a partir de agora com os comentários de Marcos Troyjo, ex-diplomata, cientista político, colunista, economista e atualmente diretor do BRICLab da Universidade de Columbia, em Nova York, nos Estados Unidos. Em meio a Ponte Aérea São Paulo-Rio, com uma esticadinha até Nova York, Troyjo promete trazer um olhar do panorama internacional sobre o Brasil.

“Não adianta acharmos que o que acontece no mundo não nos afeta. Quero mostrar porque a questão da sobretaxa do aço, determinada por Trump, pode causar impactos econômicos ao Brasil. Ou como esse ‘cabo de guerra’ entre Estados Unidos e Coreia do Norte vai nos afetar”, explicou o comentarista internacional.

Segundo Troyjo, sua intenção é estabelecer uma ponte para que o ouvinte Jovem Pan fique cada vez mais antenado ao que acontece no mundo e saiba quais desdobramentos podem refletir no mercado nacional. “Temos como exemplo, o crescimento da Índia e da China, que é a maior compradora de soja do Brasil”, disse.

Autor de livros sobre desenvolvimento e assuntos globais, como Nação-Comerciante: Poder & Prosperidade no Século 21, Marcos Troyjo trabalhou como diplomata de carreira e foi secretário de imprensa da Missão do Brasil junto à ONU em Nova York e chefe de gabinete do Departamento de Ciência e Tecnologia do Ministério das Relações Exteriores do Brasil.

Troyjo vai participar com comentários no Jornal da Manhã sempre às segundas, quartas e sextas. “Estou muito feliz de fazer parte dessa equipe. A Jovem Pan marcou minha infância em São Paulo, e tem fundamental importância na minha formação como cidadão”, destacou o comentarista internacional.

Confira a participação de Marcos Troyjo no programa Perguntar Não Ofende