Maia: “Já pedi ao governo contagem de votos para projeto da Eletrobras”

  • Por Estadão Conteúdo
  • 02/05/2018 16h48
Marcelo Camargo/Agência BrasilEm entrevista, presidente afirmou precisar do número para avaliar se há condições de votar a matéria na Câmara dos Deputados
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), cobrou nesta quarta-feira (2) do governo uma contagem de votos em relação ao projeto que permite a privatização da Eletrobras. Ele disse que precisa desse número para avaliar se há condições de votar a matéria na Casa.

“Já pedi ao governo que me diga quantos votos a base tem para avaliar se dá para votar ou não o projeto da Eletrobras”, declarou o parlamentar fluminense em rápida entrevista ao chegar à Câmara. O desejo dele é votar a matéria na segunda quinzena de maio no plenário da Câmara.

Maia também admitiu que, hoje, não há apoio suficiente para aprovar o projeto da reoneração da folha de pagamento de alguns setores da economia. “Os líderes ainda não deram sinal verde para votar. Se for pautar para perder, é melhor aguardar um pouco”, disse.

O presidente da Câmara disse que hoje a Casa deve votar apenas alguns requerimentos para tramitação de matérias em regime de urgência e que, somente na próxima semana, as votações voltarão ao ritmo normal.

“O governo tem que estar melhor articulado aqui, senão desmobiliza a base. Mas a gente vai votar algumas urgências hoje e, a partir da semana que vem, a gente volta para o ritmo de votação normal”, afirmou.