Proposta de Lei em Mirassol quer que touros sejam substituídos por homens

  • Por Jovem Pan
  • 25/01/2015 10h18

Um Projeto de Lei protocolado na Câmara de Mirassol, no estado de São Paulo, propõe a substituição de animais em rodeios no município por seres humanos ou touro mecânicos. A proposta é assinada pelo Vereador André Luiz Guirado do PHS. O parlamentar afirmou que apresentou o projeto com o objetivo de chocar as pessoas e fomentar o debate sobre a realização de rodeios na cidade.

De acordo com Art. 4º da proposta protocolado em 20 de janeiro, em eventos como touradas, prova do laço, montaria e pega do garrote, poderá ser substituido o uso do animal por touro mecânico ou ser humano. Para verador, uso de equipamento que aperta a virilha de touros, cavalos e éguas para que fiquem mais agitados, conhecido como sedém, pode caracterizar maus-tratos.

Segundo ele, na verdade isso é para chamar a atenção para o esporte de violência animal. Ele acrescenta ainda que se o ser humano fizesse as vezes de animal, teria condições de dizer se o animal sofre ou não ao ser amarrado com o sedém.

O Projeto de Lei será analisado pelos vereadores de Mirassol nas próximas sessões. Antes, porém, a proposta poderá por alterações. Em um dos argumentos para manter a proposta, ele cita que outras cidades também aprovaram proibições semelhantes.