Pedido de soltura de Lula é uma tentativa de desmoralizar o judiciário

  • Por Jovem Pan
  • 08/07/2018 14h04
EFEEx-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), está preso em Curitiba

O despacho emitido pelo desembargador Rodrigo Favreto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, neste domingo (8), o qual manda soltar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, é considerado pelo comentarista da Jovem Pan, Augusto Nunes, uma trama contra o país e uma tentativa para desmoralizar o judiciário brasileiro.

“O Favreto é a prova cabal de que nós não estávamos alimentando nenhuma teoria conspiratória, quando dizíamos que todos os ministros do Supremo e outras instâncias trabalhavam para tirar da cadeia um presidente condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. É uma trama contra o pais e sobretudo uma tentativa de desmoralizar o judiciário”.

Augusto Nunes acredita, porém, que o pedido de soltura do ex-presidente não vai se concluir, já que Lula teve mais de 70 recursos negados desde quando foi condenado pelo juiz Sérgio Moro. “Favreto está atendendo seus interesses políticos e dos senhores que ele serve. Mas, ele não vai conseguir, pois o TRF saberá defender a honra da justiça, afrontada por esse juiz de plantão”.