Denise: Congresso toca pautas paralelas mesmo com grandes prioridades

  • Por Denise Campos de Toledo/Jovem Pan
  • 10/06/2019 09h35
DivulgaçãoComentarista avalia entrevista de Maia e Alcolumbre no fim de semana

Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre dizem que eles e Jair Bolsonaro terão que se aturar. Em entrevista à Folha de São Paulo, os presidentes da Câmara e do Senado reforçam que todos eles têm legitimidade e devem se respeitar, mesmo se não concordarem sempre.

“O Congresso dança pauta paralela ao governo. Eles têm grandes prioridades, principalmente a reforma da Previdência, deve ser aprovado também o crédito extraordinário nesta semana, mas já vemos uma agenda paralela em relação a reforma tributária que o Congresso não esperou o governo. O Congresso também leva adiante a pauta do saneamento, a MP caducou, mas a responsabilidade foi assumida de se tentar reformular uma das áreas mais precárias do país”, disse Denise.