Lula, roubar “pedacinho de célula” já é demais

  • Por Felipe Moura Brasil/Jovem Pan
  • 22/02/2018 10h21
EFE“Eles estão lidando com um ser humano diferente. Porque eu não sou eu, eu sou a encarnação de um pedacinho de célula de cada um de vocês", disse Lula

Lula disse nesta quarta-feira (21): “Não posso ficar dizendo que tenho plano B porque nem superei o plano A.”

O plano A de Lula é igual ao plano B: escapar da cadeia com a cumplicidade do STF.

E a situação do petista piora a cada dia.

No caso do triplex do Guarujá, já foi condenado em segunda instância a 12 anos e 1 mês de prisão a e sua defesa já apresentou os embargos de declaração, que devem ser pautados para julgamento no fim de março, quando dois dos três desembargadores estarão de volta das férias. Uma vez julgado o recurso, Lula poderá ser preso.

No caso do sítio de Atibaia, o escrevente João Nicola Rizzi confessou ao juiz Sergio Moro ter elaborado minutas de venda dos imóveis que formam o sítio Santa Bárbara, em Atibaia, para transferi-las a Lula e Marisa Letícia.

No caso do empréstimo fraudulento do grupo Schahin, o delator Fernando Schahin confirmou a Moro que Lula “abençoou” a contratação do grupo pela Petrobras para operar o navio-sonda Vitória 10.000 em troca da quitação de uma dívida que o PT mantinha com o banco Schahin. Um caso emblemático, como comentei mais cedo, do que havia dito o desembargador Victor Laus sobre Lula confundir a função de chefe mandatário do país com a de dirigente de agremiação partidária.

E, em relação ao caso do terreno do instituto Lula, saiu nesta quinta (22) a notícia de que Marcelo Odebrecht entregou mais 21 e-mails à Lava Jato.

As mensagens, segundo o G1, “comprovam a negociação envolvendo a compra do terreno para o Instituto Lula”.

“Em um desses e-mails, o ex-executivo Paulo Melo pede que o setor de propinas do grupo programe três pagamentos e solicita que Marcelo os autorize.

Os mesmos valores aparecem na planilha Italiano, relacionados à linha ‘prédio IL’”. IL, de Instituto Lula.

Eu lembro que Italiano é codinome de Antonio Palocci e que essa planilha tinha a subconta “Amigo”, com dinheiro provisionado a Lula, como dizia o Marcelo.

Ou seja: enquanto o advogado Sepúlveda Pertence tenta salvar Lula conversando com ministros do STF e o seminarista Gilberto Carvalho faz o mesmo com os do STJ, a tendência é que Lula seja condenado em novos processos.

Diante disso, as declarações do petista mostram que ele se torna cada vez mais um condenado muito louco.

Lá em Belo Horizonte, Lula deu a seguinte declaração reproduzida em sua conta no Twitter: “Eles estão lidando com um ser humano diferente. Porque eu não sou eu, eu sou a encarnação de um pedacinho de célula de cada um de vocês.”

Eu peço que Lula me tire dessa e acredito que muitos brasileiros pedem também.

Porque roubar “pedacinho de célula” já é demais.