Justiça começa a tirar parte do tesouro que Lula fez às custas do povo brasileiro

  • Por Jovem Pan
  • 21/07/2017 09h02
BRA100. CURITIBA (BRASIL), 10/05/2017.- El expresidente brasileño Luiz Inácio Lula da Silva participa hoy, miércoles 10 de mayo de 2017, en un evento con miles de simpatizantes, en la plaza Santos Andrade, en Curitiba (Brasil), tras declarar como imputado por corrupción. "Estoy vivo y preparándome para volver a ser candidato a la Presidencia de la República", afirmó. Lula prestó declaración durante cinco horas ante el juez Sergio Moro en los juzgados federales de Curitiba por la supuesta propiedad de un apartamento en el balneario paulista de Guarujá que figura en los registros a nombre de la constructora OAS. EFE/FERNANDO BIZERRA JRA Justiça começa a tirar parte do tesouro que o marajá da corrupção, Lula, fez às custas do povo brasileiro

A vida não anda tão boa para Lula. Depois de ter os bens bloqueados e mais R$ 9 milhões de previdência, ele vai ter que defender um dos filhos envolvidos em maracutaia. A Lava Jato chegou com força em São Paulo.

A confirmação veio da procuradora Thaméa Danelon. O grupo, composto, por quatro procuradores da República, vai atuar em ações penais e cíveis relacionadas à delação de executivos da Odebrecht.

Recém-criada, a força-tarefa se diferencia da estrutura existente em Curitiba. Neste novo modelo, os procuradores de São Paulo não terão dedicação exclusiva à operação.

“Instauramos 12 inquéritos policiais e agora chegaram mais duas petições do Supremo, que está apurando fatos praticados por familiares do ex-presidente Lula”, explicou a procuradora.

A turma da Odebrecht contou tudo. A Justiça começa a tirar parte do tesouro que o marajá da corrupção, Lula, fez às custas do povo brasileiro.

Assista ao comentário completo de Joice Hasselmann: