Marco Antonio Villa: Se o Governo for derrotado na reforma da Previdência, mandato ficará prejudicado

  • Por Jovem Pan
  • 05/12/2018 07h36
Marcelo Camargo/Agência BrasilÉ preciso fazer com cuidado para evitar tropeços

Jair Bolsonaro volta a falar em fatiar a reforma da Previdência. A ideia do presidente eleito começa com um projeto que aumenta em dois anos a idade mínima para a aposentadoria.

Nas primeiras reuniões com partidos, Bolsonaro pede apoio no Congresso e fala em ameaça da volta do PT ao governo. Após os encontros com MDB e PRB, o presidente eleito afirmou: “se nós erramos, vai voltar o governo aqueles que deixaram uma triste história do nosso Brasil”.

“Sobre a Previdência a gente falava que fazer fatiamento era mais fácil. Se o Governo for derrotado na questão da reforma da Previdência, o quadriênio presidencial estará extremamente prejudicado. É preciso fazer com cuidado para evitar tropeços. A questão da reunião do presidente com partidos é normal, mas nunca voltando ao ‘é dando que se recebe’”, diz Marco Antonio Villa.

Confira o comentário completo: