Quem vai pagar a conta da crise?

  • Por Jovem Pan
  • 24/05/2018 11h36
Ana Volpe/SenadoGoverno tinha condições de projetar a crise, diz o comentarista

Marco Antonio Villa diz em seu comentário final que a crise dos combustíveis “era previsível”, por parte do governo, cujos membros chama de “incapazes”.

“Em 48 horas está um caos o País”, diz. “Temos um presidente da República fraco”, classifica.

Ele aponta ainda como “inacreditável” o desconhecimento do Brasil dos candidatos à Presidência.

“Temos empresários dinâmicas, uma grande juventude, disposição ao trabalho, mas uma elite política corrupta”, analisou. “Nós não temos República. Isso é um acampamento, uma bagunça”.

“Em 7 de outubro (dia das próximas eleições), nós não vamos conseguir resolver esse caos”, lastimou Villa.

“Quem é que vai pagar a conta da crise?”, questiona. “É o coronel laranja Lima?”