Salas especiais a condenados são imorais

  • Por Jovem Pan
  • 24/05/2018 07h48
MAURICIO VIEIRA/HOJE EM DIA/ESTADÃO CONTEÚDOEx-governador Eduardo Azeredo (PSDB) faz exame de corpo de delito no IML de Belo Horizonte após se entregar à Polícia Federal nesta quarta (23)

Lula já sabe quando poderá sair pela primeira vez da carceragem da Polícia Federal em Curitiba.

Em cinco de junho, o petista vai prestar depoimento, por vídeo-conferência, como testemunha do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral.

Marco Antonio Villa comenta: eles se merecem. E Lula já deveria ter saído da sede da Superintendência da Polícia Federal.

Eduardo Azeredo ficará preso em quartel dos Bombeiros em Belo Horizonte.

A Justiça determinou que o ex-governador mineiro, condenado no Mensalão Tucano, deverá ter o mesmo benefício do ex-presidente Lula.

Marco Antonio Villa comenta: é imoral. Todos são iguais perante a lei. Não é porque é ex-governador que tem que ter privilégios. Ele tem que ser preso como qualquer um.

Não importa a qual quadrilha que se chama partido político ele pertença.