DEM fecha apoio a Doria em SP e Rodrigo Garcia pode compor chapa como vice

  • Por Jovem Pan
  • 14/06/2018 08h27
Thiago Navarro/Jovem PanAssim, Alda Marco Antonio (PSD) deve ser retirada do jogo e as pré-candidaturas a vagas do Senado devem ser compartilhadas na aliança DEM e PSDB

O DEM fechou apoio à pré-candidatura de João Doria ao governo de São Paulo e a solenidade da aliança ocorre nesta quinta-feira (14). Não é o primeiro Estado em que isso ocorre, mas a aliança demora no caso nacional.

DEM começa agora um balé para tirar Rodrigo Maia da disputa e iniciar uma união “prática” com Geraldo Alckmin.

Em SP, Doria chega perto de Márcio França no tempo de TV, que tem cerca de 30% do tempo, e Doria chega próximo deste tempo. A chegada do DEM na chapa com Doria faz com que Rodrigo Garcia chegue a vice.

Assim, Alda Marco Antonio (PSD) deve ser retirada do jogo e as pré-candidaturas a vagas do Senado devem ser compartilhadas na aliança DEM e PSDB.

Geraldo Alckmin em estágio probatório

Partidos fecham alianças em Estados que, em primeiro momento, não se espelham na disputa nacional. O PSD de Kassab já está com PSDB em São Paulo e Minas Gerais, mas no espectro nacional dizem que “ainda não é por agora”. Alckmin está em estágio probatório por conta das pesquisas, mas no ciclo ele também não consegue alianças por causa de tais resultados.

Confira o comentário completo de Vera Magalhães: