Vera: Após conversas de Moro, anulação do julgamento de Lula pode estar por vir

  • Por Jovem Pan
  • 20/06/2019 08h27
Hélvio Romero/Estadão ConteúdoSTF pode decidir, na próxima terça-feira (25), por anular a condenação do ex-presidente no caso do triplex do Guarujá

Depois do vazamento de conversas entre o ex-juiz federal e atual ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e o procurador responsável pela Lava Jato, Deltan Dallagnol, há a possibilidade de que o julgamento do ex-presidente Lula seja anulado. Na próxima terça-feira (25), o Supremo Tribunal Federal (STF) julgará o pedido de suspensão de Moro do julgamento que condenou Lula no caso do triplex do Guarujá. Essa é a primeira data que pode trazer uma consequência prática desde que os diálogos foram divulgados.

Desde o ano passado, já há um pedido de suspensão do julgamento do ex-presidente devido ao fato de Moro ter aceito o convite para ser ministro da gestão Jair Bolsonaro (PSL). A defesa de Lula entendeu a aceitação do cargo como uma demonstração de que o ministro já tinha uma pré-disposição política quando julgou o ex-presidente.

No STF, é provável que o cenário fique empatado: Luiz Edson Fachin e Carmem Lúcia devem votar contra a suspensão da condenação, enquanto Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski podem votar a favor. Dessa forma, a decisão ficaria para o decano da Corte, Celso de Melo, que tem tendência a acatar a suspensão.